Quinta, 17 de Outubro de 2019
Bahia
Bombeiro que matou esposa dentro de escola é condenado a 15 anos de prisão
Imagem: Reprodução/Internet
Publicado em 19/09/2019

O major do Corpo de Bombeiros Valdiógenes Almeida da Cruz Júnior foi condenado a 15 anos, um mês e 15 dias de prisão pelo assassinato da sua companheira, a professora Sandra Denise Costa Alfonso, 40, dentro de uma escola no bairro de Castelo Branco. O crime aconteceu no dia 13 de maio de 2016.

Valdiógenes foi submetido a júri popular nesta terça-feira (17), que considerou o major culpado por feminicídio cometido por motivo torpe e sem possibilitar defesa da vítima. A sentença foi proferida pela juíza Gelsi Maria Almeida de Souza, que manteve a prisão preventiva do condenado.

Segundo a denúncia do Ministério Público da Bahia (MP-BA), oferecida em 2016 pela promotora de Justiça Ana Rita Cerqueira, o major deu seis tiros em Sandra Denise na manhã do dia 13 de maio de 2016, dentro da Escola Municipal Esperança de Viver, onde ela trabalhava. Preso em flagrante, o marido da vítima alegou como “justificativa” que era traído pela esposa.

Por: Correio 24 horas
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2019 © Todos os direitos reservados - Sistema de reprodução de conteúdos