Domingo, 27 de Setembro de 2020
Justiça
Vítimas de violência doméstica podem registrar denúncias por meio digital
Imagem: Divulgação/ SSP/SPM
Publicado em 20/08/2020

As vítimas de violência doméstica podem registrar queixas e solicitar medidas protetivas online. Começa a funcionar já nesta quinta-feira (20) a nova Delegacia Digital da Polícia Civil.

“O avanço tecnológico se concretiza quando chega até as pessoas e adquire a dimensão de melhorar a vida das pessoas. E esses nossos serviços disponibilizados na delegacia digital abre uma janela de acolhimento, especialmente nesse momento de pandemia em que as mulheres enfrentam mais dificuldade até em sair de casa para fazer uma denúncia”, destaca a secretária Julieta Palmeira, de titular da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Bahia.

Depois de registrada a queixa, a vítima receberá o Boletim de Ocorrência em sua caixa de entrada de e-mail. Também através do endereço eletrônico a vítima poderá ter acesso às instruções dos delegados e investigadores responsáveis pela apuração do referido caso.

A plataforma registra todos os tipos de violência, como violência contra a criança e idoso; estelionato, intolerância religiosa, ataques via redes sociais, racismo, homofobia, roubo, ameaça e furto. Nos crimes contra mulher, criança, adolescente e idoso, envolvendo violência física ou sexual, que precisam de exames periciais, a unidade virtual enviará guia para exame através do e-mail cadastrado pelo usuário.

Por outro lado, a Delegacia Digital não registrará casos de lesão corporal grave e lesão corporal seguida de morte. Nem mesmo infanticídio, suicídio, aborto, extorsão mediante sequestro, crimes contra o patrimônio com violência física (exceto se forem cometidos contra mulher, criança, adolescente ou idoso) e perigo de contágio de moléstia grave ou para a vida ou saúde de outrem.

Por: Redação
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2020 © Todos os direitos reservados - Sistema de reprodução de conteúdos