Terça, 10 de Dezembro de 2019
Bahia
Greve dos petroleiros na Bahia tem adesão de trabalhadores próprios e terceirizados
Imagem: Divulgação
Publicado em 25/11/2019

A greve da categoria petroleira na Bahia atinge todas as unidades da Petrobras e da Transpetro com adesão de trabalhadores próprios e terceirizados, segundo o sindicato da categoria. Houve corte de rendição dos turnos na Refinaria Landulpho Alves, Transpetro e UO-BA. A greve, por tempo determinado, acontece até sexta-feira (29).

Como parte das atividades do movimento paredista, que é nacional, os petroleiros dão inicio, nessa segunda-feira (25), a uma campanha de doação de sangue intitulada “Petroleiros doam sangue pela Bahia e pelo Brasil”. Coincidentemente 25 de novembro é a data em que se comemora o dia nacional do doador voluntário de sangue.

A greve pelos empregos e por segurança vai de encontro à política da atual gestão da Petrobras que vem descumprindo acordos e tomando medidas unilaterais em prejuízo da categoria petroleira, de acordo com o Sindipetro Bahia.

A estratégia do governo para diminuir o quadro de funcionários passa pela implantação de programas de demissão como PDV e, PDA, transferências – que estão suspensas na Bahia por ordem de liminar obtida pelo MPT – até a pressão e assédio moral coletivo.

Por: Redação BNews
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2019 © Todos os direitos reservados - Sistema de reprodução de conteúdos